Policial

Jovem sofre segunda tentativa de homicídio em dois meses em Mandaguari

Ele foi baleado no Jardim Boa Vista e levado de helicóptero a um hospital de Maringá
Após procurar o PAM, jovem foi transferido de helicóptero para um hospital de Maringá (Foto: Reprodução/WhatsApp)

Maurício Kaique Alves, 22 anos, foi baleado na tarde do último sábado (24) na Rua Mário Correa Neves, no Jardim Boa Vista em Mandaguari. Ele foi baleado na perna esquerda e na região do abdômen, e procurou socorro no Pronto Atendimento Municipal (PAM). Esta é a segunda tentativa de homicídio que o rapaz sofre em dois meses. 

Informações dão conta de que ele foi sozinho até o PAM e chegou pedindo ajuda. Pela gravidade dos ferimentos, foi transferido pelo helicóptero do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) para um hospital de Maringá. 

O jovem não soube informar quem foi o autor dos disparos e nem a motivação da tentativa de homicídio. O caso já é investigado pela Polícia Civil.

TENTATIVA – Esta é a segunda vez em dois meses que Alves sofre tentativa de homicídio. A primeira foi no dia 24 de agosto, quando ele voltava para casa, no Jardim Social, em um automóvel, e foi perseguido e baleado. Naquela ocasião, ele foi atingido em um dos braços e tórax. No dia seguinte, o suspeito de cometer o crime foi baleado em confronto com a Polícia Civil. Maurício ficou internado no Hospital Universitário de Maringá e recebeu alta dias depois do primeiro atentado.

Já neste sábado o rapaz disse que caminhava tranquilamente pelo Jardim Boa Vista quando alguém o chamou pelo nome. Ao olhar para trás, se deparou com dois indivíduos. Um deles portava um revólver e disparou contra o rapaz, deixando o local do crime em seguida.