Paraná

Saúde na Estrada fez mais de 21 mil procedimentos

Foram 20 dias de atividades, em postos de combustíveis, com vacinação e aplicação de testes para os profissionais.

A ação Saúde na Estrada atendeu 9.218 caminhoneiros e motoristas durante a ação que percorreu 10 pontos das rodovias com maior movimento no Estado. Foram 20 dias de atividades, em postos de combustíveis, com vacinação e aplicação de testes para os profissionais.

A ação aconteceu numa parceria entre a Secretaria de Estado da Saúde, Fundação Araucária, Rede de Postos Ipiranga, Polícia Rodoviária Federal e Secretarias Municipais de Saúde. Percorreu os municípios de Campina Grande do Sul, São José dos Pinhais, Jaguariaíva, Siqueira Campos, Maringá, Marechal Cândido Rondon, Cascavel, São Mateus do Sul  e Ponta Grossa.

NÚMEROS – Bolsistas contratados pela Fundação Araucária, por meio do Programa de Apoio Institucional para Ações de prevenção e cuidados diante da Pandemia do novo coronavírus, atuaram nesta ação.

Foram 7.839 testes para  hipertensão,  7.603 para glicemia, 210 testes rápidos e 99 testes RT-PCR para Covid-19. Além disso, foram aplicadas 3.238 doses da vacina contra a gripe e 2.172 doses da vacina contra o sarampo.

Os 9.218 caminhoneiros e motoristas que passaram pelos pontos de atendimento também receberam kits com máscara, álcool gel, toalha e sabonete. “Foi uma grande ação em parceria que envolveu também a iniciativa privada, reforçando que neste momento é importante a união para o enfrentamento da Covid-19 e também para promover a saúde”, afirmou o secretário estadual da Saúde, Beto Preto.

ESTRADAS – A Secretaria segue mantendo o Programa Paraná na Estrada, que abrange 11 pontos de rodovias paranaenses, principalmente em pontos de fronteiras. Por meio deste programa o Governo do Estado continua ofertando serviços e atendimento de saúde aos caminhoneiros e motoristas.