Mandaguari

Romagnole abre nova unidade de negócios, diz revista

Investimento fortalece atuação da companhia paranaense no segmento de estruturas fotovoltaicas

O Grupo Romagnole, de Mandaguari (PR) acaba de concluir a instalação de mais uma unidade de negócios. A Acrom (foto) tem atuação voltada à fabricação de aço perfilado em diversos formatos para atender indústrias metalúrgicas e distribuidores. A maior parte dos materiais produzidos nesta planta já tem destino certo: as linhas industriais de estruturas fotovoltaicas e ferragens eletrotécnicas da Romagnole. As informações são da Revista Amanhã.

Com um investimento superior a R$ 12 milhões, a nova estrutura pode processar mais de 4 mil toneladas de aço por mês. Outro fator diferencial do processo produtivo é a estrutura própria para galvanização à fogo, considerada fundamental para assegurar a qualidade e a garantia de 25 anos contra corrosão. Desde que começou a atuar neste segmento, há cerca de sete anos, a Romagnole forneceu estruturas para inúmeros projetos de geração distribuída e centralizada em todo o país, que juntos somam mais de 700 megawatts.

O Grupo Romagnole registrou crescimento de 36% no ano passado e faturou mais de R$ 840 milhões no período. A companhia é a 221ª maior empresa da região e a 83ª do Paraná, de acordo com o ranking 500 MAIORES DO SUL, publicado por AMANHÃ com a parceria técnica da PwC.