Região

Mesmo com reabertura de lojas na região, horários de ônibus metropolitano não têm previsão de retorno

Informação foi confirmada à reportagem pela Viação Garcia, concessionária de transporte coletivo na região
(Foto: Reprodução)

Algumas cidades da região voltam a permitir abertura de comércio, indústria e construção civil a partir da próxima semana. É o caso de Maringá, por exemplo, que retoma parcialmente atividades de construção civil e indústria a partir de segunda-feira, 13.

Com isso, mandaguarienses que trabalham na Cidade Canção e em outros municípios da região voltaram a se preocupar com a circulação de ônibus metropolitanos. Desde o início da quarentena por conta da pandemia de coronavírus, as linhas Mandaguari-Maringá e Apucarana-Mandaguari estão com horários limitados.

No caso da linha Mandaguari-Maringá, há somente um horário de saída e um de retorno, o que tem causado, há duas semanas, reclamações até de profissionais da saúde que trabalham no período noturno. A reportagem tem recebido relatos de profissionais que se organizam da forma como podem, dividindo o gasto com combustível e até pedágio, por exemplo, para que possam trabalhar.

Na manhã desta quinta-feira (9), o Portal Agora procurou a Viação Garcia para saber se, com a reabertura de lojas na região, a empresa vai remover a restrição de horários. “Até o momento não há previsão de normalização”, respondeu a empresa em um curto comunicado enviado à reportagem.

Portal Agora também tentou contato com a Expresso Nordeste, que reveza a linha Apucarana-Mandaguari com a Viação Garcia. No entanto, até a publicação deste texto, não houve sucesso nas tentativas de contato com a empresa.