Mandaguari

Mandaguari é colocada no topo de cidades com risco de surto de Covid-19 na Amusep

Entre janeiro e fevereiro, município registrou 703 casos da doença, o que representa 41% das confirmações locais desde o início da pandemia

Mandaguari está no topo de cidades com risco de surto de Covid-19 na região da Amusep (Associação dos Municípios do Setentrião Paranaense). A reportagem do Portal Agora apurou, junto a fontes internas na Amusep, que o município é o que mais preocupa a associação.

A cidade viu as confirmações e mortes dispararem em fevereiro. Levantamento feito pela reportagem levando em conta os boletins divulgados pelo município mostra que até o dia 4 de janeiro deste ano, Mandaguari havia confirmado 18 mortes causadas pela Covid-19. De janeiro até agora, foram mais dez mortes confirmadas.

Outro dado alarmante é que os boletins divulgados em janeiro mostram um acumulado de 355 casos na cidade. Já em fevereiro, foram 348 confirmações até a última segunda-feira (22). As confirmações de janeiro e fevereiro deste ano, que somam 703 confirmações, representam 41,1% dos casos registrados desde o início da pandemia em Mandaguari.

O boletim divulgado no final da tarde de ontem pela Secretaria de Saúde e corrigido nesta manhã de terça-feira (23) informa que há 514 mandaguarienses em investigação, outro número preocupante.

MODERADO - Mesmo com a alta de casos, a matriz de risco de contaminação no município segue moderada nos boletins diários do município. Os boletins diários, aliás, deixaram de informar o número de casos ativos no dia 28 de janeiro. A Secretaria de Saúde não divulgou o motivo para a mudança, e se limitou a informar que “o boletim segue padrões estabelecidos pela Sesa [Secretaria de Estado da Saúde] e Ministério da Saúde”.

MEDIDAS - Na última sexta-feira (19), prefeitos da Amusep realizaram uma reunião emergencial, através de videoconferência, para padronizar as medidas adotadas pelos municípios com o objetivo de conter o avanço da Covid-19 na região. Diante do cenário atual, Maringá, por exemplo, anunciou um novo decreto com medidas restritivas que passam a valer a partir de amanhã. Mandaguari, porém, não anunciou novas medidas para conter a alta de casos.


Encontrou alguma informação errada ou erro de digitação? Clique aqui e avise a redação do Portal Agora