Região

Golpe aplicado em Marialva chama atenção pelo nível de sofisticação

Estelionatários enviam correspondências redigidas em inglês e prometendo fortuna de US$ 15 milhões
(Foto: Notícias de Marialva/Reprodução)

Um golpe aplicado em Marialva tem chamado atenção pelo nível de sofisticação. As informações são do Notícias de Marialva.

Os estelionatários enviaram correspondências por correio às vítimas, porém as cartas eram todas redigidas em inglês.

Foto que circula em redes sociais mostra uma carta escrita por um suposto consultor de investimentos chamado Dr. Allan Parik. Na correspondência, o personagem conta que um cliente faleceu e tinha uma fortuna de mais de 15 milhões de dólares. A vítima que receba a carta seria a herdeira do montante.

No final da carta, o consultor pede que a vítima entre em contato em até 60 dias, para acertarem a transferência do dinheiro e outras burocracias.

Uma moradora de Marialva recebeu a carta, e relatou que o documento estava com seu nome completo, prova de que os estelionatários escolhem as vítimas a dedo - além do cuidado dos criminosos em redigir o documento em inglês e até mesmo arranjar um número de telefone para contato.

A Polícia Civil de Marialva já está a par da situação e abriu inquérito para apurar a atuação dos golpistas.