Política

Câmara emite nota sobre afastamento de contador

A Câmara Municipal de Mandaguari emitiu uma nota de esclarecimento sobre o afastamento do contator Enestor Gomes Martins Júnior de suas atividades.

Confira na íntegra:

 

"A Câmara Municipal de Mandaguari informa que o afastamento do Técnico Contábil Enestor Gomes Martins Júnior de suas atribuições foi uma recomendação do Ministério Público (MP), deferida pela juíza da Vara Cível de Mandaguari, Iza Maria Bertola Mazzo, e prontamente atendida pela Casa. O afastamento se deve a uma investigação sobre atos de improbidade administrativa, em curso no MP, em que o servidor é citado, e se justifica para que o caso tenha melhor andamento. A medida também decide a suspensão da remuneração do técnico até que o processo seja concluído.

Destaca-se, ainda, que o fato investigado não tem qualquer envolvimento com a legislatura atual, uma vez que as ações foram realizadas entre os anos de 2006 e 2013. Medidas para a substituição temporária do servidor já são tomadas, a fim de que o funcionamento da Câmara não seja prejudicado.

O Legislativo mandaguariense reforça seu compromisso com a transparência e com a justiça, se colocando à disposição do MP para colaborar com informações que contribuam com o esclarecimento do caso."