Paraná

Apucaranense deve responder por injúria após falar mal da PM em rede social

Um rapaz de 28 anos deve responder por injúria após postagens no Facebook contra a Polícia Militar (PM) de Apucarana. Na publicação o jovem ainda teria realizado apologia ao crime. Uma equipe foi até a casa do rapaz no Jardim Aeroporto.

Conforme a PM, no dia 29,  após notícia vinculada na página do Facebook do site TNOnline, foram constatados alguns comentários ofensivos e pejorativos na referida rede social contra policiais que atuam no município, a qual ofendia também membros políticos da cidade.

Além disso, segundo a polícia, o homem realizou apologia ao crime, ao incitar que outras pessoas colocassem fogo em um outdoor com referências políticas.

A reportagem era sobre a pichação de um outdoor com a imagem do presidente Jair Messias Bolsonaro que foi fixado na entrada no Núcleo Afonso Camargo em Apucarana

A PM então informou que foi verificando o perfil do autor e observou ser frequente essas ações, onde em outra postagem o rapaz chama os policiais de “bunda mole”, devido à prisão de um homem por violência doméstica.

Diante dos fatos, através de informações existentes na própria rede social, foi possível identificar o proprietário do perfil bem como o endereço de sua residência. Uma equipe foi até a casa, a mãe do rapaz atendeu e fez contato com o filho.

O rapaz foi até a casa e confirmou ter sido o autor das postagens. A PM então informou que ele seria levado ao  cartório do 10º BPM, para a lavratura do TCIP pelo crime de injuria e apologia.