TESTE HORIZONTAL

Apae de Mandaguari divulga nota de esclarecimento

Escola fala sobre telefonemas que pedem doações
por Roberto Junior em 24/05/2018

A Apae de Mandaguari procurou a reportagem do PortalAgora.com nesta quinta-feira (24) para divulgar uma nota de esclarecimento. O que motivou o comunicado foi o questionamento de alguns moradores, que tem recebido ligações solicitando ajuda financeira para a instituição.

Na nota, a Apae esclarece que não se trata de golpe, mas sim que estabeleceu contrato com a empresa Teleamais para captação de recursos. Confira o esclarecimento na íntegra:

Devido muitas pessoas da nossa cidade ter recebido telefonemas da TELEAMAIS solicitando ajuda financeira para essa APAE de Mandaguari, e não estão sabendo se o pedido de ajuda é mesmo para a APAE ou poderia ser um golpe, se faz necessário essa APAE fazer os seguintes esclarecimentos.          

A APAE de Mandaguari, integrante da Federação das APAES do Paraná, e a TELEAMAIS - Serviços ao Terceiro Setor, assinaram um contrato com o objetivo de arrecadação de recursos financeiros para a APAE de Mandaguari. Sim o pedido é verdadeiro, NÃO É TROTE. PODE CONFIAR.

CONTRATO:

CLÁUSULA 1: Estabelece a implantação de um “CALL CENTER” visando a captação de recursos e doações na cidade de Mandaguari Paraná a ser objetiva através de ligações telefônicas para munícipes que, por mera liberalidade, poderão contribuir com as finalidades estatutárias da instituição.

A TELEAMAIS deverá respeitar a circunscrição geográfica (não poderão ligar para outras cidades que tem APAE).

Nossa APAE de Mandaguari e Escola Dom Jaime Luiz Coelho nesses longos anos de existência conquistou a credibilidade e a confiança das autoridades, dos pais, da nossa comunidade com a transparência de nossas ações e vamos continuar trabalhando para manter essa confiança.

Estamos à disposição da comunidade caso alguém se interessar de ler as cláusulas do contrato na íntegra.

O CALL CENTER não está instalado em Mandaguari. As pessoas que ligam são funcionárias da TELEAMAIS.

A TELEAMAIS também tem uma pessoa que está indo buscar a doação na data que você ESTIPULOU OU VAI ESTIPULAR. O mesmo deverá se identificar e entregar um recibo de doação. Os recursos vão ser repassados a essa APAE conforme contrato que, devido ser longo, está à disposição de quem desejar tomar conhecimento dele na íntegra.

Por que essa APAE de Mandaguari optou pela Campanha “APAE- Um gesto de Amor”

Esclarecemos que, esta APAE recebe ajuda financeira do Governo Federal, Estadual e Municipal, cujos recursos não estão sendo suficientes para o pagamento de todas as despesas mensais. 

Temos despesas que não podem ser pagas com Recursos dos Convênios, pois as despesas de cada convênio são específicas, dessa forma precisamos recorrer a promoções, etc.

Queremos continuar prestando serviços de qualidade aos nossos alunos especiais e para que esses atendimentos possam continuar acontecendo, precisamos da ajuda das pessoas de boa vontade de nossa comunidade, colaborando financeiramente com uma pequena doação mensal, ou anual. Isso é dentro das possibilidades de cada um, SUA ATITUDE FARÁ UMA GRANDE DIFERENÇA para essa APAE desenvolver o que propomos fazer, oferecer atendimento de qualidade GRATUITAMENTE aos nossos alunos especiais e continuarmos sendo UMA ESCOLA DE REFERENCIA NO ESTADO DO PARANÁ.

A Escola Dom Jaime Luiz Coelho da APAE de Mandaguari tem 125 alunos matriculados que frequentam sala de aula no período da manhã e tarde.

A Escola oferece também atendimentos especializados na área de saúde (Fisioterapia, Terapia Ocupacional, Fonoaudiologia, Psicóloga, Assistente Social, Médicos: Pediatra, Psiquiatra, Neurologista pagos pelo convenio da APAE com o SUS Sistema Único de Saúde).

A dentista que atende no consultório odontológico da escola é paga pela prefeitura, e todos os materiais e a manutenção dos equipamentos pelos técnicos são pagos pela APAE, cuja cadeira e outros equipamentos têm mais de 27 anos de uso e precisam ser substituídos, cujas despesas, só poderão ser feitas com recursos próprios da APAE.

Oferecemos atendimento a 42 alunos do ensino regular que são atendidos nessa escola pelo Convênio com o SUS, nos atendimentos especializados.

Oferecemos também Programas no Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos - Proteção de Média Complexidade que são ofertadas as oficinas de artesanato e informática.

O Projeto oriundo do Fundo da Infância e do Adolescente contempla as oficinas de karatê e Dança.

Além desses atendimentos, ex-alunos que foram desligados por motivos sérios das salas de aulas.

E outros atendimentos dentro da escola, continuam recebendo visitas domiciliares, atendimentos diferenciados quando necessita de receitas e medicamentos controlados, orientação. A APAE socorre também algumas famílias com necessidades urgentes de alimentação. Pois se faz necessário entenderem que não podemos excluir essas pessoas em momentos de desespero. Tudo que é feito é registrado e está sob a responsabilidade dos profissionais que vão fazer a visita.

Nossa comunidade poderá não ter conhecimento, a APAE de Mandaguari realizou projetos de altos custos, cujas despesas foram pagas com recursos próprios da APAE. Não recebemos nenhum recurso dos Órgãos Oficiais para muitos desses projetos.

Para continuarmos a assinar Convênios havia a exigência de um certificado expedido pelo Corpo de Bombeiros, e ainda tem. Tivemos que instalar com RECURSOS PRÓPRIOS um Projeto de Prevenção de Incêndios, que custou a essa APAE mais de R$ 120 000,00 (cento e vinte mil reais). Dependendo da documentação solicitada, temos que enviar o CERTIFICADO dos bombeiros, temos que provar para os bombeiros que todas as instalações estão funcionando. Eles vêm fazer os testes aqui, por isso, apesar da compreensão dos mesmos, temos que andar em dia com nossas obrigações e, se estragar uma mangueira, a APAE terá que bancar essa e outras despesas que vão aparecendo. Não podemos utilizar as Verbas Públicas específicas para pagamentos de despesas que não estão relacionadas nos convênios como já expusemos.

Nossa APAE e Escola Dom Jaime Luis Coelho, sempre tivemos a maior responsabilidade em gerenciar os recursos Públicos de Convênios e recursos próprios adquiridos através de promoções.

Essa APAE NÃO TEM DIVIDAS, mas estamos deixando de executar coisas importantes porque estamos sem caixa para essas despesas, cujas despesas não temos convênios. 

Josefa Malacário, diretora da escola

Osni Del Moro, presidente da Apae de Mandaguari

TESTE VERTICAL
www.portalagora.com Fone: (44) 3133-4000 Rua Renê Táccola, 190 - Centro - Mandaguari - PR